Camuflados

Adoro camuflados. 

Comprei um camuflado há umas semanas e até agora tenho andado sempre com ele vestido. É muito bom porque as pessoas não nos chateiam pois não sabem bem se é uma pessoa que está ali ou um arbusto com vento. Há pessoas que descobrem e olham assim meio a rirem-se mas depois eu mostro uma faca e elas viram a cara vão-se embora.

 

Eu acho que se mais pessoas andassem de camuflado o mundo era um sítio com mais natureza e não havia tanta confusão de pessoas nas cidades e poluição visual. Por exemplo, quando fossemos ao Colombo parecia que estávamos na amazónia e íamo-nos sentir tranquilos e na natureza, com a vantagem de ter o ar condicionado lá dentro e não cair chuva. Podíamos também ir à Fnac e nenhum dos nossos amigos nos ia apanhar a comprar um cd do Michel Teló ou um dvd do Dr. House.

 

Acho que podia ser uma boa forma de trazer espaços verdes para dentro da cidade.

Até nos desportos podia ser uma revolução porque se os jogadores de futebol andassem todos camuflados, ninguém sabia qual era a sua equipa e havia menos faltas e muito mais golos. É uma ideia que eu deixo aqui para vocês pensarem. 

 

Para não dizer que a vida de um camuflado é muito mais discreta, a nossa mulher não nos chateia tanto porque não sabe onde andamos (apesar de ficar chateada por pensar que deixámos a televisão ligada e nós estamos lá a ver) e não temos que andar sempre às compras! Viva o Camuflado!

 

                                                     O meu chapéu camuflado 
tags:
publicado por fax às 09:30 link do post | comentar | favorito